SEO Para WordPress: Como Optimizar o Seu Site Para os Motores de Busca

Falar de SEO para WordPress parece ser redundante uma vez que WordPress já vem optimizado para SEO de forma nativa.

Se isso é verdade porque é que temos que falar de SEO para WordPress, será que é mesmo necessário optimizar mais o WordPress para que o seu site tenha um bom posicionamento nos motores de pesquisa?

Mesmo sendo verdade que WordPress já vem optimizado para SEO ainda existem aspectos que precisam ser optimizados de modo a que o seu artigo ou página seja bem optimizado. Isso porque SEO é um tema complexo e existem muitas partes que precisamos optimizar manualmente.

Se assim não fosse não precisaríamos de estar a falar de  SEO e sobre a necessidade de optimizar artigos, principalmente quando falamos de SEO on page.

A ideia de termos que optimizar mais o SEO para WordPress é de modo a que possamos optimizar mais de modo a que o nosso site seja indexado da melhor maneira pelos motores de busca.

É verdade que com o uso de plugins como o Yoast SEO Pode-se optimizar um artigo e páginas do website para que sejam indexadas pelos motores de busca. E o Yoast SEO faz um excelente trabalho nesse sentido, mesmo assim, ainda há certos aspectos que precisamos cobrir para obtermos melhores resultados.

#1 Alterar a Estrutura de Permalink

A estrutura de permalink ou ligações permanentes do WordPress por definição não é amigável para SEO. Ela normalmente vem seguida de números como mostra o exemplo:

http://teste.local/?p=123

Ora isso não é bom para SEO, o que tem que fazer é alterar para uma estrutura melhor e que seja amigável para os motores de pesquisa. A melhor estrutura de permalink para o seu site é ter o url do site seguido do título do artigo, de acordo com este formato:

http://teste.local/exemplo-de-artigo/

Para alterar a estrutura de ligações permanentes do WordPress vai para a área administrativa, Opções=>Ligações Permanentes.

SEO Para WordPress

#2 Configurar a Visibilidade do Seu Site

SEO Para WordPress

O outro aspecto que é importante ter em conta com WordPress é o de assegurar que tem a configuração certa para a visibilidade do site. Caso contrário o seu site poderá não ser indexado pelos motores de busca se tiver a configuração errada.

Para verificar se tem a configuração certa navegue para:

Opções=>Leitura e verifique se a está configurado correctamente.

Normalmente se instalou o WordPress directamente online a configuração definida permite que o site seja visível aos motores de busca. Mas se esteve a desenvolver no seu computador e depois transferiu o site para o servidor online, então é melhor verificar isso.

#3 WWW OU Não WWW

SEO Para WordPress

Normalmente para um site novo é necessário definir qual se prefere http://www.seusite.com ou http://seusite.com. Isso porque os motores de busca consideram esses dois sites diferentes.

Em termos de SEO isso é apenas uma questão de preferência para si, e não que um seja melhor do que o outro. Mas é importante para motores de busca como a Google para que eles saibam o que indexar.

Você configura isso no seu site indo para Opções=>Geral, e fazer a devida alteração lá. Mas isso não termina aí, é importante também fazer a devida configuração no Google Search Console para que a Google passe a indexar o site correcto.

SEO Para WordPress

Depois de configurar isso no Google search Console é quando a Google irá iniciar o processo de indexação do seu site.

#4 Optimizar Imagens Para SEO

Imagens são muito importantes para artigos porque elas tornam o artigo mais dinâmico e também servem para ilustrar melhor aquilo que as palavras não conseguem expressar. É por isso que é importante sempre ter imagens nos seus artigos e páginas.

Mas à semelhança do texto as imagens também precisam ser optimizadas para SEO, e o erro que muitos cometem com imagens é o de não optimizá-las para o efeito.

WordPress facilita bastante o processo de optimização de imagens.

SEO Para WordPress

As partes mais importantes na optimização das imagens são o título da imagem e o texto alternativo. O que quer dizer que toda a imagem deve ter um título e um texto alternativo. Mas não só, a palavra chave deve estar inserida na imagem.

É claro que se prestar atenção verá que na optimização de imagens apresenta quatro campos que são:

Título: aqui deve inserir o título da imagem

Legenda: dê uma legenda a imagem, o que ela representa.

Texto Alternativo: este é o texto alternativo da imagem, é onde deve ter a palavra chave.

Descrição: escreva uma descrição da imagem

Certamente que não é necessário sempre preencher todos esses campos, por norma eu preencho apenas dois campos que são o título e o texto alternativo, assegurando que tem lá a palavra chave para qual pretendo ranquear.

#5 Uso de Categorias e Etiquetas

WordPress permite o uso de categorias e etiquetas sempre que criar um artigo, aqui tem a oportunidade de optimizar o seu artigo para que seja indexado pelos motores de busca. As categorias e etiquetas também facilitam ao leitor durante a pesquisa de informação no seu site.

Portanto, faça questão de sempre inserir categorias e etiquetas nos seus artigos.

#6 Instalar e Configurar Yoast SEO

Como instalar e configurar yoast SEO

O plugin para SEO Yoast SEO é o mais usado para a configurar WordPress SEO, ele é usado pela maioria de blogueiros e sites com grande autoridade online. E apesar de existirem vários plugins para SEO, eu recomendo o uso do Yoast SEO para o efeito, pois considero-o o melhor plugin para SEO.

Para fazer isso siga o guia que publiquei neste blog para instalar e configurar Yoast SEO.

#7 Optimize os Seus Artigos Para SEO

Sempre que criar novos artigos é importante optimizá-los para SEO de modo a que eles sejam indexados pelos motores de busca, e tenham um bom posicionamento online.

É importante ter em conta as seguintes áreas ao optimizar os seus artigos:

SEO Para WordPress

     Palavra-Chave

A palavra chave é a parte mais importante de qualquer artigo, sem ela nenhum artigo poderá se posicionar bem online. É com base nessa palavra chave que os motores de busca indexam o seu artigo sempre que haja buscas online usando a palavra chave em causa.

     Títulos

Todos os artigos devem ter um título com a palavra chave e que também seja clicável. Este deve ser um título atractivo que faça as pessoas quererem clicar.

     Meta Descrições

Todo o artigo e página no seu site tem que ter meta descrições, é importante inserir uma descrição do artigo em causa. E não basta apenas inserir uma descrição, ela tem que conter a palavra chave para a qual pretende se posicionar online.

     Use Ligações Internas

As ligações internas são muito importantes para o ranqueamento do seu artigo, mas elas também ajudam no tempo de permanência dos leitores no seu blog. Mas não só, é importante sempre inserir ligações para os artigos que pretende que tenham um bom posicionamento online.

    Ligações Externas

Ter ligações internas não basta, Google também quer ver ligações externas no seu site que liguem a sites que tenham uma grande autoridade online.

     Número de Palavras

O número mínimo de palavras para que um artigo se posicione é de 300 palavras, mas isso não significa que tenha que apenas escrever artigos de 300 palavras. Google agora considera artigos de valiosos aqueles que tem no mínimo 1200 palavras.

Num ambiente altamente competitivo é importante que seja capaz de escrever artigos longos para que os motores de busca possam considerar o seu artigo valioso e posicioná-lo online.

Estes são alguns dos factores que irão fazer com que o seu artigo seja bem posicionado online. E felizmente o plugin Yoast SEO facilita esse processo.

     Produzir Conteúdo de Qualidade

Enquanto que a quantidade do texto é um importante factor de ranqueamento para Google indexar o seu site, isso não significa que o seu conteúdo seja de qualidade. Qualidade e quantidade são dois aspectos totalmente diferentes. É importante saber equilibrar estes dois aspectos que são determinantes para ranquear e posicionar melhor os seus artigos.

Se o seu artigo for bom os leitores irão ler, gostar e partilhar. E quando isso acontece os motores de busca percebem que o seu artigo é bom e de qualidade, e começa a posicioná-lo para que seja achado por mais pessoas que procurem ler o seu artigo.

#8 Submeter o Seu Site no Google Search Console

Um dos principais passos para que o seu site seja indexado pelos motores de busca é o de submetê-lo ao Google Search Console.

O que é o Google Search Console, vejamos a definição:

Google Search Console

 O Search Console é um serviço gratuito oferecido pelo Google que ajuda você a monitorar e manter a presença do seu site nos resultados da Pesquisa Google. Google Search Console

Para poder submeter o seu site é preciso seguir alguns passos simples:

Vá para ao site do Google Search Console faça o login usando o seu email se é que ainda não tem uma conta lá. De seguida cique no botão adicionar uma propriedade.

wordpress seo

Na janela que se segue insira o URL do website que pretende adicionar e clique em adicionar.

SEO Para WordPress

O passo final é o de verificar o seu site, Google apresenta duas formas de verificar o site, a primeira que é recomendada é fazendo o upload  do arquivo do HTML para o seu site, você pode fazer isso usando um FTP como o Filezila ou até mesmo o Cpanel.

E depois de fazer isso clique na verificação de segurança e finalmente no botão para verificar.

SEO Para WordPress

Se fez tudo bem será redirecionado a uma página com a confirmação de que o seu site foi verificado com sucesso.

A outra alternativa é adicionando a tag de HTML ao seu site, para tal terá que recorrer ao plugin headers and footers para poder adicionar isso. Instale o plugin no seu site e insira a tag HTML que lhe é dado, e de seguida clique no botão para verificar o site.

SEO Para WordPress

Se fez tudo muito bem irá receber uma mensagem a confirmar que o seu site foi verificado com sucesso. A partir daí Google já poderá começar a indexar o seu site.

#9 Inserir XML Sitemaps

SEO Para WordPress

O XML Sitemap é um ficheiro que lista todas as páginas no seu website para que os motores de buscas achem o seu conteúdo com relativa facilidade.

Com um sitemap do seu site os motores de busca indexam as suas páginas rapidamente.

Felizmente com o plugin Yoast SEO cria um sitemap para o seu site automaticamente. Para aceder ao seu sitemap visite o menu do Yoast SEO no painel administrativo: SEO=>Geral=>Funcionalidades=>Sitemaps xml=>clique no ponto de interrogação.

SEO Para WordPress

Também pode visualizar o seu sitemap visitando este link:

http://seusite.com/sitemap_index.xml

Lembre-se de substituir o link pelo seu url.

#10 Adicionar Sitemap no Google Search Console

Para poder adicionar o sitemap é importante submeter o seu site no Google Search console, e já mostrei como fazer isso num dos passos anteriores.

Depois de submeter o seu site podemos submeter o sitemap, para tal é importante clicar no link do seu site que acabou de submeter e visitar a área de rastreamento=>Sitemaps

SEO Para WordPress

Uma vez nesta área terá a opção de adicionar o seu sitemap, clique no botão para adicionar o seu sitemap à direita e insira o sitemap.

SEO Para WordPress

O seu sitemap é : sitemap_index.xml, submeta isso no espaço em branco e clique no botão para enviar. E é tudo, já submeteu o seu sitemap para Google começar a indexar as páginas do seu site.

#11 Usar SSL/HTTPS

Para lhe ajudar a definir o que é SSL vou recorrer ao trecho de um artigo sobre o assunto no Hubspot:

“SSL é a tecnologia de segurança padrão para estabelecer uma ligação criptografada entre um servidor web e um navegador. Essa ligação garante que todos os dados passados entre o servidor web e o navegador permaneçam privados.” Hubspot

Antes adicionar um certificado SSL ao seu site era uma questão opcional, apenas para sites de venda que colectam dados dos utilizadores durante o processo de venda online. O SSL assegura que os seus dados estejam protegidos online.

Mas com a recente posição do Google, ter um certificado SSL já não é apenas para a segurança do seu site, mas sim um dos factores de ranqueamento de sites.

Isso significa que se o seu site não tiver um certificado SSL, Google irá considerá-lo como inseguro para as suas visitas. Portanto, é importante adicionar este certificado de modo a não perder visitas online.

Para adicionar um certificado SSL no seu site pode adquiri-lo na sua empresa de hospedagem como o Hostinger que oferece um SSL para toda a vida. O Lets Ecrypt também é um serviço que oferece certificados SSL grátis.

#12 Velocidade do Site

O seu site tem que ser rápido para que os leitores possam ler o seu conteúdo, a velocidade de carregamento do seu site é um dos factores de ranqueamento de sites. Sites lentos são penalizados por Google, mas acima de tudo são penalizados pelos leitores, porque ninguém quer ficar à espera que o seu site carregue.

Por isso, é importante assegurar que o seu site seja rápido usando uma boa hospedagem, Optimizando as imagens do site, e também instalando plugins que ajudarão na velocidade do site. Plugins como o WP Super Cache, e o  WP Smush, são ideias para o efeito.

#13 Tenha Um Site Responsivo

Em 2014 Google anunciou que a questão de acessibilidade do seu conteúdo por meio de dispositivos móveis seria um dos factores de ranqueamento de sites. E isso já é uma realidade.

Ter um site responsivo já não é uma questão de opção, um site que é fácil de acessar nos motores de busca é um dos principais factores de ranqueamento para Google. A maioria das pessoas usa dispositivos móveis como smartphones e tablets para acederem à informação online.

Por isso, é importante criar sites e conteúdo a pensar nessas pessoas. Já não basta apenas ter um site,  é necessário que ele seja fácil de aceder através dos dispositivos móveis.

Conclusão Sobre SEO Para WordPress

Como pode perceber existe vários passos para poder posicionar o seu site da melhor maneira nos motores de buscas. O WordPress SEO é apenas um dos passos que tem que tomar para alcançar os melhores resultados. Todos eles devem ser seguidos para poder se posicionar o seu site.

Contudo, é importante saber que esta é apenas uma parte do SEO, pois existem aspectos mais avançados de SEO que precisamos tomar em conta. Mas neste artigo cobrirmos uma boa parte que se colocarmos em prática temos a garantia de obter bons resultados.

É importante mencionar que de todos os aspectos mencionados neste artigo nada é melhor que publicar conteúdo de qualidade e que esteja optimizado para os motores de busca.

About Edgar Chauque

Edgar Chaúque, também conhecido como "The Web Guy" é o fundador do TecnoFala. Ele partilha a sua grande paixão por tecnologias web aliado ao empreendedorismo. Escreve também para o edgarchauque.com e sejaempreendedor.co

Deixe um comentário

Seja o primeiro a comentar!

avatar
  Subscribe  
Notify of
%d bloggers like this: